QUAL É A VERDADE?

866

Você que acompanhou a edição passada teve o conhecimento dos tópicos que fortalecem você na resolução dos seus problemas, nos temas:

– “Saia debaixo da mesa”;

– “Nasça novamente”;

– “Como acreditar para ter resultados”;

– “Seu Tempo, seu caminho”.

Aprendeu que você tem tempo suficiente para tudo. E suas mãos deixam claras as fases de evolução da sua vida para realização de suas obras.

Observe suas mãos:

maos-numeradas

1 – Dedo mínimo: quando criança

2 – Dedo anular: quando adolescente

3 – Dedo médio: quando adulto

4 – Dedo indicador: quando idoso

5 – Dedo polegar: “P”- Por fim

Se abrir as mãos bem esticadas, verá que o “polegar” aponta para baixo. Para os pés.

maos

Diria que a maioria das pessoas corre para os pés. Atitude meramente humana! Precisam sentir a terra porque não aprenderam a voar.

maos-des

Ao correr para os pés, começam as orações. Você está morto!

Meus amigos, oração sem ação de nada adianta. Você busca resultados na sua vida?

Na palavra oração fica claro que você deve orar, mas também deve agir.

ORAÇÃO

ORA+ AÇÃO

Na soma das duas palavras, você tem como resultado, o que você busca: o alimento espiritual e o alimento material, ou seja, você recebe em sua vida “O RAÇÃO” = “O ALIMENTO”.

ORAÇÃO =  O RAÇÃO

(Ração, quantidade de alimento calculada para o consumo diário).

Você deve orar, mas agir. Para que possa ter sua ração, seu alimento físico e espiritual. O alimento bom ou ruim, muito ou pouco, dependerá do seu plantio.

Recorra à terra que te resta, que teus pés pisam, para fazer boa plantação. Percorra o caminho, desta vez da forma correta.

nova-imagem-6

5 – Dedo polegar: “P”- Por fim

4 – Dedo indicador: quando idoso. Aqui ele se encontra maior que os demais, porque a sabedoria e a experiência trouxeram-lhe crescimento.

3 – Dedo médio: quando adulto. Nas mãos ele era o dedo maior, aqui ele está representando amadurecimento e não sabedoria. Tem muito a aprender.

2 – Dedo anular: quando adolescente. Nos pés mantem-se o tamanho.

1 – Dedo mínimo: quando criança. O menor dos dedos das mãos e dos pés. Parte superior e parte inferior do corpo, o dedo mínimo não perde sua característica.

Quando você chega aos pés, bombardeia-se de perguntas: O que fiz da minha vida? Onde eu errei? Acabei com tudo? Perdi tudo? O que fazer? Como devo recomeçar? Que caminho seguir?

Aqui você se percebe morto, vivendo o “inferno”. Como “zumbi” troca a noite pelo dia, em uma angústia profunda, um vazio insaciável, sem personalidade, sem direção. Procura pela verdade, se procura em sua história: “Quem sou eu?”.

Aqui você reflete!

Muitos quando chegam nesta fase, fazem todos os tipos de exames e nada é detectado. A sua verdade atual é vazia.

VAZIA

V + AZIA

Azia é uma sensação de queimação vinda da parte de trás do esterno. Um osso localizado na parte anterior do tórax. Pode se apresentar como uma dor que se irradia pelo peito, pescoço ou a garganta.

Uma sensação de queimação! O inferno que você está.

Sua primeira atitude é condenar, culpar o outro por tudo o que você está passando. Dar desculpas pelo tempo perdido e pelas ações não realizadas. As intrigas, a ira, a revolta tomam conta de você. A pior parte de tudo é ter que admitir que foi você que permitiu que seus sabotadores tomassem conta da sua história, estava confortável para você procrastinar. Agora na linha final é tudo ou nada e você deve escolher entre a sua verdade e a sua versão.

Neste momento convido você a parar um pouco, aquietar o espírito. Busque ou local em que você possa estar só com você mesmo. Leve um espelhoe converse com sua imagem refletida.

“E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança”Gênesis 1:26

– Imagem: Aspecto particular pelo qual um ser é percebido: “Eu existo”.

– Semelhança: parecença entre seres, analogia, identidade.

Olhando para o espelho, desabafe todos os seus “podres”. Perdoe-se, perdoe o outro. Agradeça por tudo que você conseguiu até agora. Se apresente para a sua vida, ela precisa saber que você não é versão, que você é verdade. Até agora você tem vendido ou doado uma falsa imagem de você. Quando você se apresentar para a vida ela se apresentará a você.

Muitos irão estranhar quando você revelar a sua verdade. Vão rir de você. Vão torcer para que caia. Continue.

“Só em sua própria terra, entre seus parentes e em sua própria casa, é que um profeta não tem honra”.
Marcos 6:4

Até aqui você tem uma verdade. Agora para caminhar para a vida plena você tem que submeter-seà nova verdade. Neste momento você “está assim” porém você “não é assim”.

Mas tudo isto já lhes foi ensinado.

Através da “reflexologia”, nome da terapia oriental que vem do fenômeno da física, o reflexo. Por meio de massagens em determinados pontos dos pés, estudiosos da área afirmam que podemos aliviar tensões e o mal-estar, além de diminuir drasticamente problemas crônicos.A proposta dos defensores desta técnica é cuidar da saúde de uma pessoa a partir da análise dos seus pés. Após um exame minucioso, o reflexologista faz o diagnóstico e inicia o tratamento para corrigir distúrbios orgânicos e emocionais do paciente.

nova-imagem-5

Baseado no mapa acima, convido você a visualizar cada órgão do seu corpo olhando para dentro de si. Convido você para descobrir o segredo de como estar preparado para dar seus primeiros passos.

nova-imagem-10

Diga-me: se o intestino quiser ficar no lugar do coração vai dar certo?

Se os órgãos quiserem trocar de lugar vai dar certo?

Então, cada um tem nesta vida o seu lugar e a sua função. Se você ocupar o lugar de alguém, vai deixar um vazio no seu lugar e o sistema não vai funcionar.

“Dois corpos não podem ocupar o mesmo lugar no espaço ao mesmo tempo”  (Lei de Newton)

Descubra sua missão, seu propósito, seu legado e descobrirá qual o seu lugar, qual a sua função.

O coração bombeia sangue para todos os órgãos e estes recebem e transferem para os outros. O coração é considerado um órgão importante, mas no sistema ele tem a sua função, o seu lugar, porem sabe que não é uma ilha, precisa do outro para sobreviver. Ele sabe dar e receber.Na sua vida saiba receber e doar o que recebeu.

Se todos descobrirem qual a sua função no universo, o sistema funcionará melhor e extraordinários serão os resultados.

O caminho da vida plena depende de você. Quando você deu seus primeiros passos, se permitiu receber ajuda dos seus superiores. Mas quem teve que colocar forças nas suas pernas para dar seus primeiros passos foi você.

“Não te mandei eu? Esforça-te e tem bom ânimo; não pasmes, nem te espantes, porque o SENHOR, teu Deus, é contigo, por onde quer que andares.” Josué 1.9

Receba sua verdadeira vida, a nova verdade deve ser vivida por você. Você sabe qual a sua verdade, só procrastinou vivê-la até agora. Hoje você esta assim, você não é assim. Quando viver a sua verdade, eles perguntarão: “Como você conseguiu?”. Eles te seguirão e você falará do Caminho, da Verdade e da Vida.

Mas como dar os primeiros passos para a vida plena? Tema da nossa próxima edição, não percam!!!

Adriana Kally – Filósofa, Coach Professional and Personal, Palestrante.

 

Comments

comments